1a CÂMARA DE MEDIAÇÃO E ARBITRAGEM EXTRAJUDICIAL IBRAMAC

Rua Moisés Correia da Silva, 175 – Boa Viagem – Recife – PE – Brasil CEP.: 51160-030 – e-mail: juridico@ibramac.org

Presidente: Prof. Jean Carlos Lima, PhD.

Somos uma Câmara de Mediação e Arbitragem Extrajudicial ( privada) modelo de prestígio nacional e internacional, com fins lucrativos fundada há mais de duas décadas. Eleita a melhor câmara de 2018-2019 recebendo o Prêmio Quality Brasil. Com um grupo de mediadores, árbitros e negociadores altamente qualificado com formação multidisciplinar especialistas, mestres, doutores, PhDs e Pós-doutores com expertise comprovada em suas áreas de atuação. Além de realizarmos mediação, arbitragem, negociação e med-neg(mediação/negociação) presenciais, também trabalhamos na modalidade ODR – Online Dispute Resolution ( Resolução de conflitos online) por meio de vídeo conferência.

Nossos Serviçosour services

MEDIAÇÃOMediation ( Presencial ou Online)

Mediação - Mediation

Mediação é uma forma de resolução de disputas, preferencialmente, aplicada a casos em que entre as pessoas envolvidas haja um relação anterior , em que uma terceira pessoa “mediador(a)” neutra e imparcial, qualificado com competências, habilidades e técnicas especiais e específicas para presidir uma sessão de mediação, tem como função facilitar a comunicação entre os envolvidos em uma disputa e ao mesmo tempo estimula-las a encontrarem por si sós uma solução, satisfativa, conformativa, transformativa para a divergência que estão vivendo.

A mediação de conflitos é uma ferramenta célere, com menor custo em relação a justiça comum, para resolver vários tipos de disputas, tendo como princípios a informalidade, simplicidade, confidencialidade, isto é, nada que é dito em todo processo de mediação pode ser revelado ou divulgado, salvo que o requerente, o requerido e o mediador permitam.

Lei n. 13.140/15 – Lei de Mediação Brasileira – dispõe sobre a mediação como meio de solução de controvérsias entre particulares e sobre a autocomposição de conflitos no âmbito da administração pública.

Clique AQUI para ter acesso a Lei de Mediação brasileira na íntegra.

ALGUNS CASOS QUE PODEM SER RESOLVIDOS POR MEDIAÇÃO

  • Questões envolvendo partilha de bens.
  • Problemas familiares.
  • Problemas na empresa.
  • Problemas na escola envolvendo relacionamento entre alunos.
  • Relação de consumo.
  • Propriedade intelectual entre outros casos.

1- Leia com atenção nosso REGIMENTO (clique aqui), antes de iniciar o seu processo de mediação.

2- Leia com atenção as NORMAS E PROCEDIMENTOS DE MEDIAÇÃO (clique aqui) antes de iniciar o seu processo de mediação.

3- Leia com atenção a TABELA DE TAXAS ADMINISTRATIVAS E HONORÁRIOS DO MEDIADOR (clique aqui), antes de iniciar o seu processo de mediação

INICIE SEU PROCESSO DE MEDIAÇÃO (clique aqui) na PLATAFORMA ON LINE

ACOMPANHE SEU PROCESSO DE MEDIAÇÃO ( Clique aqui)


Arbitragem – Arbitration

É uma forma de resolução de conflitos que verse sobre direito patrimonial disponível, em que as pessoas envolvidas tem o poder de escolher uma terceira pessoa capaz e de confiança denominado “Árbitro(a)”, que, segundo estabelece o art. 18 da Lei n. 9.307/96 “É juiz de fato e de direito e que a sentença que proferir é irrecorrível e não precisa de homologação do Poder Judiciário”.  Caracterizada pela informalidade, celeridade eficiência e eficácia com regras definidas por órgãos arbitrais e/ou pelas partes, a arbitragem tem como uma grande vantagem a especialização do árbitro(a) no tema que está em discussão. A sentença arbitral tem o mesmo efeito da sentença judicial, pois é obrigatória para as partes envolvidas na controvérsia. Também é uma característica da arbitragem: a Confidencialidade, pois todo processo do início a execução corre em segredo de justiça.  A condução do procedimento arbitral e o resultado de suas decisões são de conhecimento restrito às partes, advogados, árbitros e à Instituição Arbitral, exceto se, expressamente, as partes autorizarem a sua divulgação, diferentemente do que acontece com os procedimentos e decisões proferidas na justiça comum, que são do conhecimento público, com exceções que justifiquem expressamente o sigilo necessário;

CLIQUE AQUI para ter acesso na íntegra a Lei de Arbitragem Brasileira.

CLIQUE AQUI para ter acesso na íntegra da Lei n. 13.129/15 que – Altera a Lei nº 9.307, de 23 de setembro de 1996, e a Lei nº 6.404, de 15 de dezembro de 1976, para ampliar o âmbito de aplicação da arbitragem e dispor sobre a escolha dos árbitros quando as partes recorrem a órgão arbitral, a interrupção da prescrição pela instituição da arbitragem, a concessão de tutelas cautelares e de urgência nos casos de arbitragem, a carta arbitral e a sentença arbitral, e revoga dispositivos da Lei nº 9.307, de 23 de setembro de 1996.

ALGUNS CASOS QUE PODEM SER RESOLVIDOS POR ARBITRAGEM

• Questões Empresariais, Civis e Internacionais
• Comercial, Industrial e Trabalhista
• Societário e Imobiliário
• Administração de Empresas e Terceiro Setor
• Administração Pública (licitação, concessão de serviços, parceria público-privadas)
• Marítima, Portuária e Aduaneira
• Seguros e Franquia
• Relações Condominiais e de Consumo
• Mercado Acionário, Finanças e Economia
• Transportes e Telecomunicações
• Energia, Petróleo e Gás natural
• Prestação de Serviços, Arquitetura, Engenharia e Agronomia
• Direitos Autorais, Propriedade Intelectual e Conflitos Desportivos
• Atividades Bancárias, Avaliações e Perícias
• Comércio Eletrônico, Tecnologia da Informação
• Família (discussão e revisão quanto a partilha dos bens)

1- Lei com atenção o nosso REGIMENTO (clique aqui), antes de iniciar o seu processo de arbitragem.

2. Leia com atenção as NORMAS E PROCEDIMENTOS DE ARBITRAGEM (clique aqui), antes de iniciar o seu processo de Arbitragem.

3. Leia com atenção a TABELA DE TAXAS ADMINISTRATIVAS E HONORÁRIOS DO ÁRBITRO (clique aqui), antes de iniciar seu processo de Arbitragem.

INICIE SEU PROCESSO DE ARBITRAGEM (clique aqui) PLATAFORMA ON LINE.

ACOMPANHE SEU PROCESSO DE ARBITRAGEM (clique aqui).